Relatoria da Assembleia Geral dos Estudantes de História de quinta, 03/11/11

Assembleia Geral dos Estudantes de História

Quinta,03/11, às 20h, embaixo do bloco N.

Presentes: Lilian Matias, Diogo Oliveira, Juan Ibañez, Jean Oliveira, Bernardo Pereira, Felipe Duque, Juliana Nascimento, Luis Fernandes, William Magalhães, Gabriel Melo, Rodrigo Dantas, Bruno Machado, Antonio Machado (Kiko), Camila Pinheiro, Eduardo Brito, Igor Barcellos, Ian Feudo, Tales Torezani, Gabriel Kopte, Klauber Gonzaga, Leonardo Albuquerque, Ramon Serra, Thiago Pereira, Sirlane Marques, Gabriela Zouto, Eduardo Souza, Erickson Amaral, Pedro Rodrigues, Tunã Nascimento, Gabriel Moreno, Zora Zanuzo, Alexandre Silva, Paula Justen, Jonatan Agra, Liz Seraphin, Gustavo Fialho, Yan Oliveira, Guilherme Mota, Wagner Hartye, Mateus Ferrari, Calos Veiga.

 

Pauta:

1 Informes;

2 Finanças;

3 Eleições do CAHis

4 Boicote ao ENADE;

5 Choppada unificada.

 

1

Terça, dia 08/11, às 19h, tem reunião dos CA’s e DA’s do ICHF no tablado do bloco O.

 

Quinta, dia 10/11, às 18h, tem debate sobre Financiamento da Educação no Brasil na sala 405 do bloco E. Este é o debate de lançamento da campanha na UFF.

 

Sábado, 05/11, tem um Seminário de Formação Política da Plenária dos Movimentos Sociais de Niterói no Serviço Social.

 

-Esta semana é a semana dos movimentos sociais lá no Serviço Social e semana que vem é a semana da universidade popular. Dia 08/11 tem uma mesa às 18h. É consenso que o CAHis se incorpore a esta atividade.

 

2

Valença: O dinheiro do samba estava espalhado então demorou para averiguar se foi furto mesmo.

 

Rodrigo: Tem uma conta do Banco do Brasil de transparência, 3 pessoas tem acesso e precisa renovar.

 

Kiko: tem que fazer autocrítica que não tem controle sobre o armário. O melhor encaminhamento é abrir uma conta e pensar como foi isso, quem estava.

 

Lilian: Tem que abrir uma conta, trocar o cadeado e levantar quem tem a chave. -Tem R$392,30 dos últimos dois sambas na casa da Marina. Com os 200 reais que o Tunã enfiou pela porta do armário e que escapou do Roubo tem R$592,30.

 

Juan: Ir com calma, não é culpa de quem descobriu, mas de quem roubou. Isso está relacionado com a forma com a qual os estudantes se relacionam no curso. Antes não tinha demanda de regularizar mais, fazer uma conta. Tem que tratar isso da forma mais honesta e coletiva possível, fazer uma prestação de contas com frequência.

 

Luis: fazer uma denúncia pública, tem que deixar as questões cada vez mais transparentes. Ter uma prestação de contas mensal no mural do CAHis, tem que tomar cuidado para ver se ao abrir a conta no nome de alguém tem que declarar imposto de renda.

 

Tunã: Foi uma irresponsabilidade dizer que todo mundo já sabia.

 

Mariana: Não foi divulgado imediatamente porque estavam com esperança de o dinheiro ter ficado com o Luã Santana. Esse é o primeiro espaço adequado para falar sobre isso.

 

Luis Arthur: Isso é fruto de pequenas coisas que não foram feitas. Não sabe se a saída é ter CNPJ porque a partir do momento em que se tem um, qualquer um pode processar o CA. Nunca ficou muito dinheiro no CA, ficava concentrado na casa de duas pessoas e tinha prestação de contas.

 

Diego: Foi muito grave o que aconteceu e tem que assumir o erro coletivamente. Tem que passar por cima disso e trabalhar com as propostas discutidas, a gestão do dinheiro não precisa ser aberta.

 

Bernardo: O problema é da organização do CA, não sabe quem tem a chave do armário.

 

Melo: Não sabe se criar a conta é a melhor decisão, o modelo de alguém guardar o dinheiro é melhor. Espera que não apontem nomes ou responsabilizem, todos somos responsáveis enquanto não se achar quem pegou.

 

Luis Arthur: a responsabilidade é coletiva.

 

Camila: Tem que centralizar o dinheiro em um só lugar até abrir uma conta no nome de alguém. É contra ter CNPJ. Tem que trocar o cadeado.

 

Encaminhamentos:

 

GT de Finanças: Juan, Camila, Tunã e Leonardo. Esse GT fica responsável por levantar as opções da conta e apresentar na próxima reunião do CAHis, para então decidir se vai abrir uma conta ou não.

Prestar conta a cada dois meses.

Centralizar o dinheiro com o Tunã.

Fazer um recibo com o valor arrecadado no samba.

 

 

3

 

Kiko: Tem que refletir o processo. O que uma eleição vai trazer de bom para o CAHis, o modelo de gestão aberta é muito funcional, tem várias pessoas que tocam o CAHis e que não estão formalmente na chapa. Será que tem perna para fazer uma eleição agora? Até para votar o boicote, a gente faz um debate antes de aprovar. É mais interessante ter um seminário de gestão para decidir de maneira ampla as necessidades do CA. O estatuto é só uma ferramenta.

 

Valença: Hoje é dia 3 e o CA está com dificuldade para bancar uma eleição depois do último processo de mobilização da universidade. Parece que tem uma outra proposta de chapa, mas onde eles estão? Acha que não tem como tocar nem o seminário este semestre.

 

Juan: Este semestre foi muito intenso e dificultou um calendário regular. Para que serve a eleição do CAHis? Serve para que já no processo de formação de chapa tenha um debate amplo, que renove a gestão e englobe inclusive todo mundo que participou da ocupação este ano. Se este ano tiver uma eleição, corre o risco de ser mais do mesmo, sem debate e correndo atrás de quórum. Temos como tarefa agora acompanha a pauta de reivindicações da ocupação, tocar a campanha dos 10% do PIB para a Educação Pública e fazer a eleição em abril.

 

Diogo: eleição virou formalismo. É importante para o departamento a questão da institucionalidade. O diálogo com a coordenação pode ser ruim caso a gente adie.

 

Luis: a eleição serve para discutir projeto, concepções. A relação com o departamento é necessária. É necessário ter um processo eleitoral para ter debate. Abril é uma boa data para eleição, potencializar o debate e enriquecer o processo.

 

Gabriel: Pode acontecer de quem é da oposição e não veio não ficar feliz em adiar.

 

Tunã: eleição é uma ferramenta, para construir a unidade com outros setores é preciso mais do que 15 dias.

 

Lilian: Essa assembleia foi divulgada, as pessoas da oposição sabiam que ela ia acontecer e não vieram. Eleição é um processo de debate, de ampliar e renovar a gestão. Temos que trabalhar para aproximar essas pessoas que participaram da ocupação e da oposição e ver se tem um programa comum, se tiver isso, não tem motivo para sair separado. Não temos que nos pautar pela relação com o departamento, se for fazer tudo o que eles querem a gente tira um representante do CAHis para falar em nome de todo mundo lá, porque é isso que o Norberto quer apesar de saber que não tem presidente no CAHis, que é uma gestão aberta. Não temos que dar satisfação disso para o departamento. Eles não tem que ter influência no CA. Nossa tarefa agora é construir um Seminário de gestão para fazer um balanço de como foi a última gestão e pensar como podemos ampliar e melhorar, quais as pautas para tocar no próximo ano e deixar a eleição para o ano que vem, é importante que tenha eleição.

 

Guilherme: Concorda que vai esvaziar se tiver eleição agora, mas vai tem dúvidas de que vai ter organização suficiente para tocar uma eleição em abril. Acha que adiar só tira a credibilidade do Cahis, tem um estatuto que diz que a eleição tem que ser anual. Propõe tirar a comissão eleitoral agora.

 

Melo: Não tem como fazer eleição só para botar voto na urna, é um processo de debate da chapa. Isso não é reunião do CA, é assembleia e só tem uma pessoa da oposição. Como vamos dialogar se as pessoas não ocupam os espaços do curso? Cabe a quem toca o CA avaliar se tem como fazer a eleição agora. Não tem que pensar na credibilidade, meu compromisso é com as lutas, independente de quem vencer a eleição. Tem que dialogar com franqueza.

 

Luis Arthur: O que mede o período de eleições não é o departamento. O debate é se é ou não importante ter eleições. Eu acho que é importante por ser um momento de aferir a opinião dos outros, ter eleição é ter a preocupação de as pessoas se sentirem a vontade. Tem que convidar as pessoas para os espaços. Se  for para fazer ano que vem tem que tirar uma comissão eleitoral e o calendário.

 

William: Uma eleição não é o momento mais importante. Pode dar problema no curso, mas tem um período excepcional. Tem que adiar a eleição, mas tirar uma comissão para fazer uma carta aberta ao curso explicando o adiamento.

 

Yan: Sou a favor de adiar. Isso pode ser usado contra a gente, mas de qualquer jeito se corre riscos. E tem que planejar bem como vai ser a eleição.

 

Alexandre: Não falo como chapa da oposição. Tem uma coisa que nos une que é a graduação. Apoia que a eleição tem que ser adiada, mas que não acontecer este ano é por causa de desorganização. Em relação à chapa é mais uma ideia de colaboração e aproximação. Não tem interesse político e partidário. Tem que tirar a data da próxima eleição aqui.

 

Kiko: O CAHis é marcado pela pluralidade. É contra ter eleição, acha que este processo não ouve os estudantes. Os espaços onde eles podem ser ouvidos são as assembleias.

 

Bernardo: a eleição serve para ampliar a participação dos estudantes. Tem que ver se a unidade é possível. Acha abril uma boa data.

 

Valença: A eleição também mostra a quantas anda o curso. Estamos abertos ao diálogo.

 

Juan: De acordo com o estatuto, uma assembleia geral pode adiar uma eleição. Temos que organizar uma eleição, organizar uma boa calourada, ampla. Também está aberto ao diálogo. Proposta de data: de 2 a 26 de abril, três dias para inscrição de chapa, duas semanas para debate e campanha, 1 para eleição.

 

Encaminhamentos:

 

Organizar um Seminário de Gestão antes da eleição.

 

Comissão eleitoral: Luis Fernandes, Tales Torezani, Luis Arthur.

 

Calendário:

2,3 e 4 de abril é o período de eleição de chapas;

5 a 20 de abril é período para debate entre chapas e campanha;

24 a 27 de abril é a eleição.

 

Reunião de balanço da gestão ainda este ano onde a carta aberta aos estudantes explicando os motivos do adiamento será apresentada. William e Diego escrevem a carta.

 

4

 

Encaminhamentos:

Boicotar o ENADE;

Panfletar no dia da prova.

 

 

 

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s